Encantar os nossos clientes através de uma contínua assessoria, disponibilização das melhores alternativas de produtos de acordo com suas necessidades individualizadas, atendimento diferenciado e pró-ativo, dentro de padrões éticos de relacionamento e confidencialidade.

Atendimento

Segunda à sexta das 8:30 h às 17:30h

  • Instagram - Cinza Círculo
  • Grey Facebook Icon
Buscar
  • securibens

Câncer de mama – Fatores de risco

O movimento conhecido como Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer de mama e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce da doença



O câncer de mama


O câncer de mama é uma doença resultante da multiplicação de células anormais da mama, que forma um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns se desenvolvem rapidamente, outros não.

Tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma, o câncer de mama responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano.

Em 2015, para o Brasil, são esperados 57.120 casos novos de câncer de mama. Sem considerar os tumores de pele não melanoma, esse tipo de câncer é o mais frequente nas mulheres das regiões Sudeste, Sul, Centro-Oeste e Nordeste. Na região Norte, é o segundo mais incidente.

Existe tratamento para câncer de mama, e o Ministério da Saúde oferece atendimento por meio do Sistema Único de Saúde, o SUS.


Câncer de mama – Fatores de risco


Não existe uma causa única para o câncer de mama, que é mais comum em mulheres (apenas 1% dos casos são diagnosticados em homens) e tem na idade um dos mais importantes fatores de risco para a doença. Cerca de quatro em cada cinco casos ocorrem após os 50 anos. O câncer de mama de caráter genético/hereditário corresponde a apenas 5% a 10% do total de casos da doença.

Diversos fatores estão relacionados ao câncer de mama:

Fatores ambientais e comportamentais:

Obesidade e sobrepeso após a menopausa;

Fatores da história reprodutiva e hormonal


  • Primeira menstruação (menarca) antes de 12 anos;

  • Não ter tido filhos;

  • Primeira gravidez após os 30 anos;

  • Não ter amamentado;

  • Parar de menstruar (menopausa) após os 55 anos;

  • Uso de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona);

  • Ter feito reposição hormonal pós-menopausa, principalmente por mais de cinco anos.

Fatores genéticos e hereditários*


  • casos de câncer de mama na família, principalmente antes dos 50 anos;

  • História familiar de câncer de ovário;

  • VáriosHistória familiar de câncer de mama em homens;

  • Alteração genética, especialmente nos genes BRCA1 e BRCA2.


*A mulher que possui um ou mais desses fatores genéticos/ hereditários é considerada com risco elevado para desenvolver câncer de mama.

A presença de um ou mais desses fatores de risco não significa que a mulher terá necessariamente a doença.


Câncer de mama - Fatores de proteção


Estima-se que 30% dos casos de câncer de mama possam ser evitados quando são adotadas práticas saudáveis como:

  • Praticar atividade física;

  • Alimentar-se de forma saudável;

  • Manter o peso corporal adequado;

  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;

  • Amamentar

Câncer de mama - Sinais e sintomas


Os principais sinais e sintomas do câncer de mama são:


  • Caroço (nódulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor;

  • Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja;

  • Alterações no bico do peito (mamilo);

  • Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço;

  • Saída espontânea de líquido dos mamilos


A nossa empresa Securibens.

Ao identificarem alterações persistentes nas mamas, as mulheres devem procurar imediatamente um serviço para avaliação diagnóstica. No entanto, tais alterações podem não ser câncer de mama.

A saúde dos funcionários deve ser entendida como um fator de extrema importância dentro das organizações. E em decorrência desta preocupação, a SECURILIFE - uma de nossas divisões da corretora SECURIBENS oferece, por intermédio de estudo personalizado, planos que atendem as necessidades de acordo com o perfil de cada empresa e estando presente em todo o processo, sendo iniciado na cotação, implementação do plano, acompanhamento mensal de utilizações e resultados.

Sugerimos também ações proativas que busquem reduzir o nível de utilização (sinistralidade) por meio de recomendações de programas de conscientização, acompanhamento de pacientes crônicos e orientação sobre as condições do seguro contratado (avaliação de risco)


2 visualizações